Sleeves na Buró
O Legadão do Pro Tour
O Legacy no maior Pro Tour da História.
16/08/2018 10:00 - 5.178 visualizações - 15 comentários
Load or Cast

 

Todos nós temos projetos na vida — alguns sabem que não passam de um sonho; outros agarram com unhas e dentes para fazer acontecer. Há um pouco mais de 25 anos, um jovem rapaz teve uma ideia e resolveu compartilhá-la com o mundo. Felizmente, essa ideia foi aceita e o projeto deste homem tomou proporções que ele jamais imaginava. Hoje nós conhecemos essa ideia como Magic: The Gathering, e graças ao Richard Garfield, nós podemos jogar e aproveitar de todas as coisas maravilhosas que ele nos trouxe e nos trará.
 
O Pro Tour de 25 anos de Magic foi o maior até agora, com a maior premiação e provavelmente a maior expectativa, já que o formato era Team Constructed. Um jogador jogando Standard, um Modern e outro Legacy. Não tínhamos Legacy em um evento profissional desde o mundial em 2012, então os jogadores do eternal mal conseguiam se conter quanto mais o evento se aproximava.
 
O evento contou com 495 jogadores (165 trios), e por ser um evento de trios, o corte era para top 4 ao invés de top 8, mas mesmo assim vamos falar sobre os 8 melhores decks (com um bônus).
 
 - Em 13º lugar temos um time bem peculiar. The Teferi Project é um time formado por 3 hall of famers: Antoine Ruel, Guillaume Matignon e Guillaume Wafo-Tapa; três mestres na arte do Control, somando quase 10 PT Top 8 apenas pilotando decks de controle. Os três integrantes do time resolveram utilizar Teferi, Hero of Dominaria em seu deck, fazendo assim um time de Tribal de Teferis
.
The Teferi Project
5027 visualizações
12/08/2018
R$ 13.718,01
R$ 20.121,48
R$ 56.214,62
5027 visualizações
12/08/2018
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Gerar Imagem
Criaturas (6)
3   Mago da Conjuração-relâmpago   111,80
3   Mentor do Monastério   40,90
Planeswalkers (3)
2   Jace, o Escultor de Mentes    215,95
1   Teferi, Herói de Dominária    247,50
Mágicas (31)
4   Espadas em Arados  5,90
1   Espiar  0,60
4   Ponderar  8,00
1   Preordenar  4,90
3   Tempestade Atordoante  38,99
4   Tempestade Cerebral  1,50
3   Contramágica   4,25
3   Pensar Duas Vezes   0,08
4   Força de Vontade    339,90
4   Terminus    4,14
Terrenos (20)
1   Delta Poluído 138,52
2   Floresta Tropical Nebulosa 142,50
5   Ilha 0,00
1   Lago Alpino Fervente 159,99
1   Meseta Árida 99,99
2   Planície 0,00
4   Praia Inundada 115,95
2   Tundra 1.994,91
2   Volcanic Island 2.798,99
60 cards total

Sideboard (15)
1   Explosivos Fabricados  59,82
3   Explosão de Chamas  20,00
3   Extração Cirúrgica  29,93
1   Abrasão   0,40
1   Sacerdotisa do Confinamento   3,25
1   Facção Vendilion    28,41
2   From the Ashes   4,00
1   Gideon, Aliado de Zendikar    15,64
2   Desgastar // Rasgar    //  3,44
 
O Miracles tem algumas versões pós ban: com Back to Basics, focado em Mentor do Monasterio, focado em walkers e com múltiplos Azcanta. Nenhuma versão se provou definitiva como as antigas listas de Grixis Delver, que eram lockadas em 59 cartas.
 
3 Snapcaster Mage e 3 Monastery Mentor são as criaturas. Um ficou melhor depois do ban, já que não tem perigo do Shaman atrapalhar seu Flashback, e o outro é uma das melhores maneiras de finalizar uma partida ou segurar um jogo que está prestes a virar a seu favor.

O time de Ruel decidiu que Portent era uma cantrip muito média, mesmo com o upside de fazer milagres no turno alheio. A escolha das cantrips é a parte mais intrigante da lista. Vemos os usuais 4 Brainstorm e 4 Ponder — até aí normal. 1 Peek, 1 Preordain e 3 Think Twice são o tempero que faz essa receita ter o gosto perfeito de vitória. O Preordain serve como o quinto Ponder: arruma milagres no topo, encontra mais facilmente a carta desejada e, diferente do Ponder, não precisa de fetchland para ter o máximo aproveitamento da cantrip. Peek pode parecer meio “meh”, mas é uma proxy de Gitaxian Probe, ajuda a milagrar fora do seu turno e funciona como a quinta cantrip instant speed de 1 mana para Snapcaster e Mentor. Os Think Twice parecem injogáveis no Legacy, mas nesta lista em particular eles são muito fortes. Agora que não temos mais Shamans, podemos pensar em mais cartas com Flashback, e Pensar Duas Vezes é ótimo contra os controls e midranges, pois te dá o mesmo retorno que um Predict acertando o topo, mesmo que você desconheça seu topo. O alto número de Mágicas Instantâneas potencializam os Flusterstorm, tornando-o um hard counter mesmo no hyper late game.
 
Os 3 Counterspell são uma resposta bem clean para qualquer coisa problemática que possa aparecer do outro lado, desde que possa ser anulada.
O leve splash vermelho é para Abrade, all star em muitas partidas como já discutimos antes aqui, e para From the Ashes, uma “Blood Moon” que te permite embaralhar o deck com as fetchlands e que não te trava como pode acontecer nas outras listas.
 
- Em oitavo lugar temos Andrew Baeckstrom, de UB Shadow, o deck do Pro Tour.
 
UB Death's Shadow
5040 visualizações
12/08/2018
R$ 9.477,07
R$ 15.666,64
R$ 40.805,70
5040 visualizações
12/08/2018
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Gerar Imagem
Criaturas (14)
4   Investigador de Segredos  3,00
4   Sombra da Morte  19,99
4   Aparição de Estrada    4,75
2   Pescador Grumag   0,25
Mágicas (28)
4   Capturar Pensamento  77,99
2   Empurrão Fatal  7,90
2   Negação Persistente  1,99
3   Ponderar  8,00
1   Preordenar  4,90
2   Reanimar  44,39
4   Tempestade Cerebral  1,50
4   Pasmar   1,00
2   Liquidar   32,00
4   Força de Vontade    339,90
Terrenos (18)
2   Catacumbas Verdejantes 105,41
1   Delta Poluído 138,52
1   Floresta Tropical Nebulosa 142,50
1   Lago Alpino Fervente 159,99
2   Lamaçal Ensangüentado 104,67
1   Planície Pantanosa 84,99
1   Praia Inundada 115,95
3   Túmulo Aquático 47,00
4   Terras Ermas 99,90
2   Underground Sea 2.798,99
60 cards total

Sideboard (15)
1   Explosivos Fabricados  59,82
3   Extração Cirúrgica  29,93
1   Magibomba Niilista  3,89
3   Pavor da Noite  0,95
1   Édito Diabólico   0,33
2   Hymn to Tourach   2,50
2   Trono de Geth  0,21
2   Liliana, a Última Esperança    59,90
 
O deck já estava fazendo resultado no circuito SCG, mas na versão Grixis (com vermelho para Abrade e algumas listas usando Temur Battle Rage). A versão do PT era puro Azul e Preto.

Pense no Death's Shadow como um especial de um jogo de luta. Cada ponto de vida que você perde vai enchendo a barrinha, e a partir do 8º ponto de vida perdido, você já pode soltar seu Hadouken, que apesar de não ser vinho, fica melhor com o tempo.

Mesmo sem Gitaxian Probe, o deck tem muitos enablers para o 13/13. Street Wraith é um clycler que não só ajuda o Shadow como permite algumas sequências interessantes: ter acesso a mais de 1 carta no turno do Ponder, enche rápido o cemitério para o Delve e funciona como um Mutagenic Growth para o Shadow caso você precise baitar um oponente com Lightning Bolt ou durante o combate. Snuff Out é uma Doom Blade de graça, que facilita em 4 pontos a barrinha de especial do Shadow. E claro, as shocklands. Esse é o único deck do Legacy que usa mais shocklands que dual lands, e não é por motivos de custo — ter um acesso “gratuito” a algo que consuma sua vida é muito importante. Fazer um Shadow no turno 2 em vez do turno 3 pode mudar completamente o andamento do jogo.
 
O deck é basicamente um UB Delver que se mata para fazer um outro bicho grande. A eficiência de custo de mana do deck faz ele operar melhor até mesmo nos mirror de Tempo. E por ter muitas criaturas grandes, ele se dá bem contra bolt.decks e decks de Tarmogoyf.

O side é bem autoexplicativo, com exceção dos Throne of Geth, claro. Não é um erro de lista, e não é uma tech roubada do Hardened Scales. O Throne é 50% de um Abrade. Ele está lá para se sacrificar para o próprio efeito e proliferar, aumentando o número de marcadores do Chalice of the Void e te permitindo jogar as spells de custo 1 mesmo sem ter um removal de artefato.
 
Grixis Delver
5026 visualizações
12/08/2018
R$ 23.281,23
R$ 35.401,00
R$ 86.999,68
5026 visualizações
12/08/2018
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Gerar Imagem
Criaturas (10)
4   Investigador de Segredos  3,00
3   Nêmese do Nome Verdadeiro    22,05
3   Pescador Grumag   0,25
Mágicas (29)
4   Inquisição de Kozilek  5,00
2   Perfurar Mágica  0,19
4   Ponderar  8,00
2   Preordenar  4,90
4   Raio  7,99
1   Raio Bifurcado  0,40
4   Tempestade Cerebral  1,50
4   Pasmar   1,00
4   Força de Vontade    339,90
Encantamentos (2)
2   Florescência Amarga   89,90
Terrenos (19)
3   Delta Poluído 138,52
2   Floresta Tropical Nebulosa 142,50
3   Lago Alpino Fervente 159,99
4   Terras Ermas 99,90
4   Underground Sea 2.798,99
3   Volcanic Island 2.798,99
60 cards total

Sideboard (15)
1   Eletrotruque  0,59
1   Explosão Elemental do Vermelho  12,73
2   Explosão de Chamas  20,00
2   Extração Cirúrgica  29,93
1   Tempestade Atordoante  38,99
2   Édito Diabólico   0,33
2   Abrasão   0,40
1   Mago da Conjuração-relâmpago   111,80
1   Vítimas do Pântano   0,10
2   Liliana, a Última Esperança    59,90
 
- Em sétimo temos o time do Jonathan Sukenik, mestre do UWR Modern e Grixis Delver, no Legacy.

Sukenik quis inovar neste PT e foi com uma versão extremamente proativa de Grixis, com 4 Inquisition of Kozilek e 2 Bitterblossom no maindeck. As IOK ajudam muito contra combo e midranges agora que o deck perdeu a interação de Probe + Therapy; e as Blossom são uma proxy de Young Pyromancerque sobrevivem à cóleras e spot removals.As Blossom e 3 True-Name Nemesis viram praticamente qualquer jogo contra Death and Taxes, que foi um dos decks mais jogados do torneio.
 
O plano de side transforma o deck em um midrangezão contra os baralhos mais lentos: muito removal para o mirror de Delver e Taxes; um bom pack de counter para controles e combos; e uma cópia de Snapcaster no sideboard para suportar ainda mais esse plano “transformacional”. Só não se esqueça que Snapcaster Mage não pode pagar o overload do Electrickery, apenas um custo alternativo por vez, amiguinhos!
 
BR Reanimator
5024 visualizações
12/08/2018
R$ 7.028,96
R$ 11.786,26
R$ 50.290,65
5024 visualizações
12/08/2018
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Gerar Imagem
Criaturas (10)
4   Chanceler do Anexo     5,90
1   Ginete Cinzento      1,45
4   Griselbrand      39,80
1   Tirano Cabeça-D'Água     24,90
Mágicas (28)
1   Capturar Pensamento  77,99
4   Pilhagem Infiel  1,89
4   Reanimar  44,39
4   Ritual Sombrio  1,57
4   Sepultar  118,23
4   Terapia da Cabala  1,79
4   Exumar   3,99
3   Desmascarar   29,99
Artefatos (4)
4   Pétala de Lótus  44,99
Encantamentos (4)
4   Reviver Cadáver   7,59
Terrenos (14)
2   Badlands 1.634,99
1   Catacumbas Verdejantes 105,41
4   Delta Poluído 138,52
2   Lamaçal Ensangüentado 104,67
3   Pântano 0,00
1   Planície Pantanosa 84,99
1   Scrubland 1.200,00
60 cards total

Sideboard (15)
1   Agulha Medular  3,33
2   Capturar Pensamento  77,99
1   Expurgo do Caixão  0,15
2   Fugitivo da Cripta  27,54
2   Abrasão   0,40
4   Desgastar // Rasgar    //  3,44
1   Elesh Norn, Cenobita-Mor    79,80
1   Arquétipo da Resistência    4,30
1   Iona, Escudo de Emeria     17,09
 
Do lado esquerdo, com o peso de um Troféu de Pro Tour em suas costas, integrante de um dos melhores times da atualidade, temos Lucas Esper Berthoud!!!!!

Bertu resolveu jogar safe no PT, sua estratégia era simples: fazer com que o oponente conceda turno 1 ou 2 para um bichão com alguma habilidade prejudicial, seja ela voar+lifelink ou Boomerang toda vez que ele jogar uma mágica.
 
Os bichões do side servem para consertar as matchups contra Combo, Aggro e decks com muitos removals (Iona, Elesh e Archetype, respectivamente). O outro bicho importante do side é o Cryptbreaker, que passa lava e cozinha. É um discard outlet para suas cartas importantes do cemitério, faz ficha que pressiona control, bloqueia aggro e ainda mata Diabolic Edict no peito, e se ficar muito tempo na mesa, vai começar a comprar cartas e dominar o jogo sozinho.
 
Olha os Abrade no side aqui também. Muito importantes para remover Grafdigger's Cage, Pithing Needle e até Ensnaring Bridge, a parte dos 3 de dano lidam com a criatura mais problemática para o deck: Containment Priest.

O leve splash para o branco é para a parte “Erase”, do Tear (Wear/Tear), que remove Rest in Peace e Energy Field — bem populares atualmente.
 
Eldrazi Stompy
5041 visualizações
12/08/2018
R$ 6.216,58
R$ 10.335,37
R$ 19.643,21
5041 visualizações
12/08/2018
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Gerar Imagem
Criaturas (27)
2   Balista Ambulante   60,00
4   O Infindável  0,48
4   Mímico Eldrazi  1,16
3   Espírito-Guia Símio   0,23
4   Remoldador da Matéria   5,50
4   Vidente do Nó do Pensamento   16,92
4   Arrebentador da Realidade   8,00
2   Findador   0,70
Mágicas (2)
2   Desmembrar    2,64
Artefatos (6)
4   Cálice do Vácuo   259,00
2   Jitte de Umezawa  31,80
Terrenos (25)
4   Caverna das Almas 273,60
2   Cidade de Traidores 759,99
2   Fábrica de Mishra 0,24
1   Karakas 175,66
3   Olho de Ugin 29,12
4   Templo dos Eldrazi 15,90
4   Terras Ermas 99,90
4   Tumba Antiga 210,74
1   Urborg, Tumba de Yawgmoth 83,59
60 cards total

Sideboard (15)
1   Karakas 175,66
2   Bomba de Catraca  1,90
3   Espinho de Ametista  74,95
2   Ímã do Tombo  0,05
2   Karn, Rebento de Urza  29,99
4   Linha de Força do Vácuo    24,90
1   Tudo é Poeira  29,75
 
 - Em quinto lugar temos o Hall of Famer Eric Froelich, que fez sua fama não só no Magic, mas também no Poker (seu Nick online é @Efropoker).
Froelich é um amante do eternal. Quem o acompanha sabe de suas múltiplas Black Lotus, full set de Dual Land de Beta e diversos decks inteiros Foil. Diferente de muitos prós, Efro sabia navegar pelo formato que estava representando.

Eldrazi é uma escolha bem stock, porém efetiva no momento; um deck bem forte contra Shadow, que consegue virar jogos contra Grixis e Death and Taxes. O maindeck é bem convencional, mas o side tem o tempero que faria até Charles Boyle do Brooklyn 99 se derreter de amor. O maindeck ficou bem reto, então o side concentra todas as cartas não-agressivas importantes, Karn, Scion of Urza para passar por cima dos decks lentos e ainda gerar card quality e selection mesmo sem ter nenhuma cor no deck.
 
A Karakas extra é para combater uma das matchups mais chatas pro deck: Show and Tell. Efro pensou em uma carta que pode resolver todos os problemas do deck contra SnT, o Tumble Magnet. Geralmente, as cartas usadas contra SnT são muito pesadas e utiliza-se do próprio Show and Tell para colocá-las em jogo. O problema disso é que o deck às vezes comba de Sneak Attack, e o Tumble resolve esses problemas: pode entrar tanto através do Show and Tell, quanto ser feito turno 2 e ainda te deixa na frente contra DnT, Mirror e Lands. Ótima pedida, me lembra dos bons tempos de UB Infect no T2 de Scars of Mirrodin.
 
Eldrazi Stompy
5037 visualizações
12/08/2018
R$ 6.117,82
R$ 10.153,15
R$ 20.220,43
5037 visualizações
12/08/2018
Visualização:
Padrão
Cor
Custo
Raridade
Visual
CMC
Comprar Deck
Gerar Imagem
Criaturas (27)
2   Balista Ambulante   60,00
4   O Infindável  0,48
4   Mímico Eldrazi  1,16
3   Espírito-Guia Símio   0,23
4   Remoldador da Matéria   5,50
4   Vidente do Nó do Pensamento   16,92
4   Arrebentador da Realidade   8,00
2   Findador   0,70
Mágicas (2)
2   Desmembrar    2,64
Artefatos (6)
4   Cálice do Vácuo   259,00
2   Jitte de Umezawa  31,80
Terrenos (25)
4   Caverna das Almas 273,60
2   Cidade de Traidores 759,99
3   Fábrica de Mishra 0,24
1   Karakas 175,66
3   Olho de Ugin 29,12
4   Templo dos Eldrazi 15,90
3   Terras Ermas 99,90
4   Tumba Antiga 210,74
1   Urborg, Tumba de Yawgmoth 83,59
60 cards total

Sideboard (15)
1   Karakas 175,66
2   Bomba de Catraca  1,90
3   Espinho de Ametista  74,95
2   Luneta Enfeitiçada  0,50
2   Karn, Rebento de Urza  29,99
4   Linha de Força do Vácuo    24,90
1   Tudo é Poeira  29,75